• 1 Atendimento via Whatsapp (11) 96185-9344
  • 1 Horário de Atendimento Seg a Sex 8h às 17h30
  • 1 Fale direto na loja Atendimento especializado (11) 3209-7009

Dicas de cutelaria para iniciantes: como iniciar o seu negócio do zero

Usar essas dicas de cutelaria pode ser essencial para criar uma empresa do zero já destinada ao sucesso. Confira neste artigo!

Ter em mãos as dicas de cutelaria pode ser imprescindível para um negócio de sucesso. Isso porque, misturando força e destreza, a arte da cutelaria tem ganhado cada vez mais admiradores.

Mas, por ser uma área totalmente artesanal e repleta de diferentes técnicas, pode gerar muitas dúvidas em como instalar a sua própria oficina onde serão produzidos objetos cortantes, chamados de cutelos, e também facas, facões, machados, canivetes e derivados.

No artigo anterior, falamos sobre a importância das ferramentas para um cuteleiro profissional ou amador. Mas aqui neste artigo, vamos falar sobre as dicas de cutelaria mais importantes para seguir na hora de elevar o seu negócio.

Aqui você vai encontrar informações sobre as ferramentas e produtos, sobre como realizar o planejamento, adequar o espaço e também como trabalhar na área. 

Você tem o sonho de ter sucesso como cuteleiro? Essa atividade pode ir além de um mero hobby e se tornar um negócio. Para saber o que é necessário em um empreendimento bem sucedido, siga essas dicas de cutelaria e comece seu negócio do zero!

Dicas de cutelaria para ter um negócio de sucesso

Como fazer o planejamento?

Para atuar na cutelaria profissionalmente, é preciso mais que talento ou experiência. Entre as dicas de cutelaria para ter um negócio de sucesso, é fundamental ter conhecimento de como comprar e também como administrar as matérias-primas que serão utilizadas na confecção das peças. 

Por isso, você deve:

  • Conhecer o processo completo de produção; 

  • Organizar os custos para ter o controle financeiro do negócio;

  • Manter um alto padrão de qualidade com as ferramentas sempre atualizadas. 

Podemos, também, considerar importante o planejamento de vendas, que envolve o setor de marketing, já que ele é tão fundamental para se diferenciar dos concorrentes nos dias de hoje.

Para legalizar o seu negócio, as opções são: consultar um contador de confiança ou buscar auxílio no Sebrae da sua cidade, que oferece orientações, consultorias e, até mesmo, acompanhamento do negócio. 

Buscando conhecimento

Sabia que hoje existe a possibilidade de ser especialista em cutelaria? Está ficando cada vez mais comum cursos presenciais no Brasil. 

Outra sugestão é adquirir conhecimento das técnicas na internet, assistindo vídeos de aulas no YouTube. 

Mas nada é tão bom como a prática: é interessante aprender a trabalhar com a ajuda de outros cuteleiros que atuam a mais tempo. Experiência faz a diferença, não é mesmo?

O que precisa de espaço?

Para montar sua cutelaria, bairros mais afastados ou áreas industriais de sua cidade são locais propícios para esse tipo de negócio. Com estrutura de uma oficina normal, não há necessidade de buscar localização no centro, sendo possível manter um custo mais baixo.

Para o espaço interno, o cuteleiro precisa de uma área boa para a produção dos seus produtos, com uma ampla bancada ou mesa, prateleiras e armários para guardar as ferramentas de trabalho. 

Entre as dicas de cutelaria, também sugere-se manter um ambiente para armazenar estoque de matérias-primas, outro para os produtos prontos, uma sala de administração e um banheiro. 

Quais são as ferramentas necessárias?

Por ser um trabalho exclusivamente artesanal, não há regras e o processo de aprendizado das técnicas é individual. 

Cada cuteleiro vai descobrir a sua própria criatividade de acordo com a sua evolução. O importante é seguir o seu jeito de fazer essa arte.

Para ajudar os iniciantes, as nossas dicas de cutelaria contam com uma lista de equipamentos e ferramentas para começar a montar a sua oficina de confecção de produtos.

Confira 20 itens indispensáveis para um cuteleiro

Vários equipamentos costumam ser usados em uma cutelaria para o trabalho do dia a dia deste profissional. 

Entre os principais itens estão a lixadeira adequada, moldes dos produtos, forja, morsa de cuteleiro e também uma bigorna. 

O uso dos Equipamentos de Proteção Individual (Epis) também é necessário, incluindo luvas, aventais de couro, óculos protetor e máscara anti-pó, por exemplo. Segue a lista completa:

  1. Esmerilhadeira: máquina para recorte e desbaste do aço

  2. Discos de corte 

  3. Discos de desbaste: para trabalho depois do recorte

  4. Forja/Soprador – importante para manter o ponto de Tratamento Térmico da maioria dos metais comuns

  5. Furadeira e brocas: para colocar pinos, passantes e pequenos encaixes

  6. Morsa: para fixar a peça a ser trabalhada

  7. Grampo tipo C de 2 polegadas: para prender o material na bancada

  8. Forno Elétrico: para fazer o revenimento nas peças de metal

  9. Limas para metal variadas 

  10. Lixas de diversos grãos

  11. Lixas para madeira

  12. Serra de ferro simples: para cortar alumínios ou aços mais leves 

  13. Martelo/marreta

  14. Bigorna: para desempenar uma peça de aço que não esteja alinhada

  15. Recipiente para têmpera

  16. Régua

  17. Paquímetro

  18. Tenaz ou alicate pegador

  19. Cola epóxi

  20. Equipamentos de proteção individual: para evitar que haja acidentes na oficina

E os produtos?

Os cutelos, canivetes, facas, facões e demais produtos similares podem ser feitos com diversos materiais, sabia? 

Entre as matérias-primas que podem ser escolhidas estão aços, ferro, carbono, ou até mesmo cerâmicas, que podem ser usadas para fabricar lâminas. Para isso, é importante ter fornecedores fixos, mantendo as compras frequente dos materiais utilizados. 

Para o acabamento das peças e produção dos cabos, o mais comum é adquirir madeiras de reflorestamento e couro.

Cutelaria: a arte de transformar

O trabalho artesanal de transformar aço em produtos como facas, canivetes e outras lâminas de qualidade, é uma tradição milenar, que também tem profissionais no Brasil inteiro. 

Para trabalhar na área, o ideal é aliar o talento ao planejamento estratégico do negócio, além da prática para ganhar experiência. 

Gostou das nossas dicas de cutelaria? Continue acompanhando o blog, sempre temos um novo conteúdo para auxiliar no seu trabalho! 

Se quiser dicas de cutelaria em primeira mão, pode deixar o seu e-mail abaixo e enviamos os conteúdos novos para você não perder nada.


Postado por Scarparo Couros | Scarparocouros.com.br